Sexta, 21 de junho de 2024, responsável técnico Renyere Trovão Soares DRT-PR 3499

Telefone: (66) 9256-9631 | E-mail: contato@regiaoleste.com.br

CAGED - SAPEZAL, CAMPO NOVO E TANGARÁ DA SERRA FIGURAM ENTRE OS 13 MELHORES DO MT

10/08/2021

Cuiabá segue com melhor resultado, com um saldo de 10.518 empregos registrados em carteira

As estatísticas do Caged do primeiro semestre desse ano mostram os resultados dos municípios de Mato Grosso no quesito geração de empregos. Na região sudoeste e parte do Chapadão dos Parecis, os municípios com melhores resultados são Sapezal (10º no estado), Campo Novo do Parecis (11º) e Tangará da Serra (13º). Os outros 10 municípios com melhores resultados são Cuiabá, que apresentou um saldo de 10.518 empregos registrados em carteira, considerando as admissões e os desligamentos ocorridos nos primeiros seis meses do ano; na sequência, os municípios de Rondonópolis (2º, saldo de 3.811), Sinop (3º; 3.474), Sorriso (4º; 2.714), Primavera do Leste (5º, 2.108), Várzea Grande (6º; 2.080), Lucas do Rio Verde (7º; 1.985), Nova Mutum (8º; 1.445), Aripuanã (9º; 1.270) e Campo Verde (12º, 899). Sapezal Na região polarizada por Tangará da Serra, Sapezal é o município que registrou os melhores saldos no Caged do primeiro semestre deste ano. Até 30 de junho, o município registrou 4.279 admissões contra 3.322 desligamentos, perfazendo um saldo positivo de 957 empregos registrados em carteira. Em junho, o saldo também foi positivo, de 696 empregos formais, resultado de 1.173 admissões contra 477 desligamentos. Campo Novo do Parecis O segundo maior saldo da região, no primeiro semestre de 2021, é de Campo Novo do Parecis. O ‘Celeiro da Produção’ registrou somente no mês de junho, um saldo de 944 empregos em carteira, como resultado de 4.934 admissões ante 3.990 desligamentos. Campo Novo também foi positivo em junho, com 898 admissões contra 689 desligamentos, resultando num saldo positivo de 209 empregos registrados em carteira. Tangará da Serra Tangará da Serra é a maior economia da região sudoeste de Mato Grosso. Dono da maior economia da região sudoeste e do Chapadão, o município de Tangará da Serra fechou o semestre com saldo positivo de 889 empregos formais, resultado de 6.550 admissões contra 5.661 desligamentos. Em junho, o saldo tangaraense também foi positivo, com 203 empregos formais. O município teve, no último mês do primeiro semestre, 1.153 admissões contra 950 desligamentos. Barra do Bugres Barra do Bugres, por sua vez, mostra saldo positivo de empregos gerados no acumulado de 2021. No primeiro semestre do ano, o município que margeia o rio Paraguai teve 1.354 admissões contra 788 desligamentos, perfazendo um saldo de 566 empregos registrados. Em junho, porém, houve ligeira superioridade dos desligamentos (174) sobre as admissões (140), representando um saldo negativo de -34 vagas. Nova Olímpia Nova Olímpia, por sua vez, mostrou um primeiro semestre com saldo positivo de 585 empregos, já que houve 1.173 admissões contra 477 desligamentos. Em junho, a exemplo do vizinho Barra do Bugres, a capital da cana também teve mais desligamentos (243) que admissões (207), o que resultou num saldo negativo de -36. diariodaserra

Anuncio

Grupo de notícia Região